sábado, 21 de maio de 2011

Nem é tão diferente assim: babá X escola X trabalho

No Brasil as creches do governo e particulares não possuem horários 'ideais' para as mães que trabalham fora.

Eu lembro quando o JP era pequenininho eu estava procurando uma creche para voltar a trabalhar, eu não queria contratar babá.

A rotina então era: pesquisa uma escolinha, visita outra e normalmente as que me interessavam tinham os seguintes horários:
- das 7h às 13h, ou
- das 13h às 17h, ou
- das 8h às 17h.

Eu até poderia deixar até às 19h, mas tinha que pagar um adicional (tipo hora extra).

Vocês podem até achar um absurdo deixar o pequeno das 8h até as 19h, mas imaginem uma cidade como São Paulo que você demora muito para percorrer pequenas distâncias e que normalmente o horário de trabalho vai das 9h às 18h (com 1h de intervalo para almoço).

Resolvi contratar a babá ...

Com o passar do tempo minha escolha foi por uma escola em tempo integral, não até às 19h, ele ficava até às 16h e 1 dia por semana ia pra casa antes do almoço.

Durante o período em que meu pequeno estudou na escola no período integral resolvi não ficar com a babá.

Foi uma das melhores coisas. Na escola o meu pequeno teve todas as atividades que eu faria com ele fora da escola, priorizando seu desenvolvimento, mas com o benefício de não ter que passar horas no trânsito se deslocando de um lado para o outro (aulas de natação, música, artes, psicomotricidade ...) e com a babá ele passava muito tempo fazendo as mesmas coisas, sem um objetivo específico apenas para pura diversão.

Bom, mas oq eu queria mesmo falar é que realmente o mundo dos negócios não é mto favorável ao lado materno.

A mãe para voltar ao trabalho precisa criar uma estratégia com muitos planos de ação para que dê certo.

Fico imaginando as mães que não podem abrir mão do emprego para se dedicar à maternidade. Que não têm parentes por perto para deixar os pequenos aos seus cuidados, nem que seja apenas para pegá-los na creche ou nas pequenas horas que a 'creche' não cobre ...

Eu estava com meu 'esquema' todo oranizado no Brasil ... sem babá, podendo pegar meu filho todos os dias às 16hrs.

Quando chegamos em Londres comecei a pesquisar as escolinhas, afinal Europa sistema de ensino em período integral coisa e tal ... mas não foi bem assim, só a partir dos 4 anos.

Sim, eu entendo e concordo com todos os motivos que levam as escolas a aceitarem as crianças em período integral a partir dos 4 anos de idade, mas eis que voltamos ao mesmo dilema de 1 ano atrás!

JP está saindo da Nursery para entrar numa escola com a linha de ensino Montessoriano.

Aqui, assim como no Brasil, pelo oq pude observar nesses 6 meses vivendo em Londres e procurando Nursery e Escola para o JP, as Nurseries estão concentradas em atividades físicas, em gasto de energia e isso tem me tirado o sono. Mas as Nurseries possuem a possibilidade de deixar seu filho pelo período que você precisa (dia inteiro ou não).

Desde o início do ano já haviamos nos decidido em qual escola o JP estudaria, (Southbank International School), só que lá só aceitam a partir dos 3 anos e 2 meses, caso não use mais fraldas, ou a partir dos 4 anos. Bom, JP ainda usa fralda e resolvi não forçar a barra, como comentei em alguns posts por aqui ...

Na Southbank o horário para os pequerruchos também é diferente: das 8h às 11h30m.

Então que estamos há 2 meses pesquisando novas escolas, enquanto ele não pode ir para a Southbank.

Encontramos uma maravilhosa pertinho de casa, Maria Montessorio Schools, mas adivinhem o horário: das 8h30m às 12hrs.

Pq ainda me preocupo com esses horários? Simplesmente pq ainda faço minhas aulas inglês e elas terminam 13hrs todos os dias ... e aí, como faz?

Bom, resolvemos contratar uma babá para pegá-lo e ficar com ele até eu chegar em casa.

Chegamos a conclusão de que é melhor ter uma babá para ficar com seu filho durante 1 hora enquanto você chega, do que continuar pelo período da manhã em uma Nursery onde em apenas 1 semana ele:
- apareceu com 5 roxos na perna (5 roxos por bater nos pequenos móveis da própria salinha de aula)
- 1 roxo na testa (a pancada foi tão forte que quase abriu um corte, ficou um arranhão)
- 1 roxo no canto do olho direito (como se tivesse levado um 'murro' numa briga de rua)

A explicação para os roxos: ele não pára quieto, nós pedimos para ele se acalmar, mas ele não pára ....

Então tudo bem, depois que voltarmos de viagem ele já vai para a nova escola onde as professoras têm mais paciência (ou são melhor qualificadas) para o serviço.

6 comentários:

Carol P disse...

Oi!
Minha filha foi na creche no Brasil e vai aqui em Londres, com certeza o approach eh diferente mas realmente eu nao tenho nada q me queixar da nursery q minha filha vai.
Eu trabalho pq quero, nao pq preciso, os horarios fecham com a nossa agenda e quando nao da para buscar ou levar as meninas ficam com ela ateh chegarmos em casa, assim como outros pais fazem. Claro tudo tem seu preco.
A primeira creche q a C foi aqui nao deu certo, pq nunca iria ar certo, pq nao gostei, nao era boa para os meus conceitos nem para os ela, mas como era a mais conviniente em horario e localizacao resolvi tentar, grande erro e nunca mais ignoro minha primeira evaluacao.
Enfim assim como creche ou babah nenhuma eh perfeita,nem eu.
Boa sorte com a proxima escolinha.
Bj carol

Gi disse...

ai lilis, é assim mesmo... estou montando meus esquemas para voltar a trabalhar e está bem complexo...

Mirys + Guigo + Nina disse...

Li, que bom que conseguiram encontrar outra escolinha! Estava preocupada por aqui, amiga...

Então, boa viagem para vocês! Divirtam-se e voltem cheios de novidades para a gente!

Bjos e bençãos.
Mirys
www.diariodos3mosqueteiros.blogspot.com

Tia Sus disse...

Olá daqui de Portugal, tenho uma irmã em Londres com um bebé de 5 meses , e está procurando babá... Como você fez para encontrar uma de confiança? Obrigada

Liliane Arend disse...

"Tia Sus' a questão de babá aqui é por indicação mesmo ...
Não tenho uma babá full time, até pq meu filhote já está crescido.
As pessoas usam muito child minder, existe um site em que você procura uma próxima a sua residência.
X Liliane

Anônimo disse...

TIA SUS, sua irma ainda precisa? :)
Se ela quiser se encontrar comigo e me conhecer.. eu tenho boas referencias! 07711093216